sábado, 19 de Abril de 2014

quinta-feira, 17 de Abril de 2014

quarta-feira, 16 de Abril de 2014

terça-feira, 15 de Abril de 2014

A vida num telemóvel



Às vezes dou por mim a pensar nos tempos que eu não tinha telemóvel. Já nem falo na questão de ter telemóvel para efectuar chamadas e enviar sms´s mas sim para estar ligada ao mundo virtual.
 
Se bem me lembro, o meu primeiro telemóvel data de 1998 e foi o começo de um novo mundo na minha vida. Navegava eu na Internet (no computador) a 56kbps e para ligar o modem tinha de ir um "chinfrim" que mais parecia a sirene de ataque químico.
Depois vieram os smartphones e aqui é que finalmente juntei o útil ao agradável. Telefono e navego no mesmo sitio e em qualquer sitio.
Já não consigo viver sem ele, a verdade é essa! O meu telemóvel sabe mais da minha vida que propriamente Jesus Cristo. Tudo se passa por ali (até o que não devia).
A verdade é que estou quase sempre conectada com o mundo e por vezes custa-me a perceber quem não esteja hoje em dia.
Compreendo perfeitamente que há quem não ligue "népias" a isto ou sequer a chamadas mas detesto quando não me respondam em tempo útil. Juro que tento relativizar mas é algo que me irrita, principalmente quando é algo importante.
 
Sinto que este viver ao segundo veio acelerar o tempo, o meu tempo! Quando antigamente esperava para chegar a casa para ligar às amigas, ou combinar o que seja, hoje em dia fazemos tudo em tempo real. E se a chamada não acontece ou não me respondem, tenho a tendência a pensar (sempre) que algo de mal aconteceu... o meu lado fatalista ficou bem mais intensificado. Tenho uma estranha necessidade de urgência, de presença!
E a minha filha ainda não cresceu... acho que por essa altura estarei a Prozac para acalmar os nervos e andar Zen!
 
Ainda assim nada como a frase que li algures:
 
Se eu quisesse esperar pela resposta, em vez de SMS/Email teria enviado um Pombo Correio.



Pormenores deliciosos da celebração do Amor



StyleMePretty

A invenção do ano!

Eu sou a primeira a vir para aqui lamuriar-me que o meu cabelo tem manias de animal selvagem. Acha que lá por habitar o topo do meu corpo, que não tem de obedecer.
Agora inventaram uma espécie de aplicação que nos indica como vai estar o tempo e como ele vai afectar o nosso cabelo.
 
Cá está: How´s Your Hair?

Hoje, por cá estamos assim:





A quote a day keeps the doctor away #529


segunda-feira, 14 de Abril de 2014

Fim de Semana de Sol ♥ #2

O sol chamava por nós e claro, obedientes fomos de tarde aproveitar mais umas maravilhosas paisagens beijadas por ele.
Começamos por pôr um ar de turista e rumar ao Funicular dos Guindais que sobe desde a Ribeira à Batalha. Nunca tinha subido mas tinha muito curiosidade de o fazer e o dia estava perfeito. 
Depois foi descer desde da Sé do Porto novamente até à Ribeira pelas escadarias labirínticas e estreitas. A ultima vez que o fiz foi no sentido contrário e tinha os meus belos 18 anos e participava no "Casco Paper" na minha praxe (tive de contar os degraus, TODOS)! 
Primeiro apontamento a fazer foi: como conseguiste SAV Maria? Resposta mental: eras nova...
Cheguei à Ribeira com os meus quadriceps a gritarem por socorro pois não estão habituados a tal violência. Tudo em mim tremia, acho que até os olhinhos... e desci, senhores... imaginem se subisse... seria bem mais dramático pois nem o 112 lá conseguiria chegar a tempo.

Depois foi perder-me na multidão e apreciar tudo de bom o que a vida nos dá e nem sempre dá-mos o merecido valor. 
Respirar de pulmões abertos e sentir o coração a bater acelerado cá dentro. E a mente viaja por onde não deve mas o coração é rei e senhor! É muito bom estar vivo, muito mesmo!

E finalmente pus os pés ao sol! Os círios, mais propriamente... mas devidamente ornamentados pelas minhas novas sandalecas da Zara que num momento de loucura (e depressão) fizeram-me adoptá-las e dar-lhes todo o meu Amor e Carinho










Fim de Semana de Sol ♥

Já sei que estão cheios de fotos de Serralves mas estas são AS minhas fotos com especial carinho de mim para vocês de uma manhã fabulosa de sol. 
Sol, árvores imponentes e duas crianças a correr e a saltar, muita conversa, uma amizade que é daqui até à lua e voltar fez uma manhã perfeita. 

O ramo da Madrinha e duas mulheres que se conhecem tão bem que oferecem o mesmo tipo de ramo, uma à outra! É Amor, sim, é Amor!










domingo, 13 de Abril de 2014

Night night! ♥

Vamos lá completar decentemente este post sobre esta noite de sábado! 

A SAV sai de casa sem marcação rumo à baixa com amigos e duas crianças pequenas, resultado tudo cheio e só mesmo com marcação. 
Eu vou à confiança mesmo, tudo se arranja, é o meu lema. 
E depois de bater a umas portas que estavam cheias de marcações, nos sugeriram o Bubbles Food & Bar. A simpatia em pessoa recebeu-nos e rapidamente arranjaram uma mesa para muitos. 
Não conhecia o espaço mas fiquei muito bem impressionada, principalmente com a simpatia e disponibilidade. Só com isto conquistam a SAV à primeira. Detesto ir a restaurantes que parecem estar a fazer um favor ao me atenderem, não tenho manias e detesto pessoal com elas. 
Vale mesmo muito a pena. Não ficamos para o " mais tarde" pois a criançada é como a Cinderela. E mesmo assim, fiquei a saber que a minha Sabrininhas é a "fiesta" em pessoa (graças aos santos) pois só dançava e apontava para os bares dizendo: "Mamã!!!! Olha ali é festa, tem luzes e tudo! 
Sei que me vou arrepender disto um dia mais tarde quando quiser sair e eu a ficar em casa... mas ok, não vou antecipar o meu sofrimento.




Saturday Night Heels by Aldo